Mensagem do Presidente

Notícias

Caros amigos,
Ao longo deste mandato, a Junta de Freguesia tem procurado corresponder aos anseios dos seus fregueses, da melhor maneira possível. Bem sabemos que nem sempre é possível chegar a todo o lado, e que as dificuldades que nos acompanham são imensas, essencialmente na falta de meios humanos e materiais para concretizar os projetos que tanta falta fazem à nossa freguesia.
Além de desenvolvermos aquelas que são as nossas atividades e tarefas habituais, temos procurado melhorar e aumentar os serviços aos nossos fregueses. Assim, além do Espaço Cidadão, do Posto de Correios e do Balcão Único, também passámos a disponibilizar um Serviço Médico destinado à emissão de atestados para a Carta de Condução e Licença de Caça.

No entanto, estamos conscientes que muito ainda está por realizar. Neste sentido, a Junta de Freguesia procurará num futuro próximo, implementar uma série de atividades e melhorias na nossa Freguesia. Assim procuraremos renovar e melhorar a zona envolvente do Moinho do Custódio e do Parque/Circuito de Manutenção do URDA, de modo a criar zonas de lazer para as famílias e visitantes da freguesia.

Também é nossa intenção, promover a marcação de percursos pedestres pela freguesia, promovendo desta forma a atividade física e a vida ao ar livre. Em simultâneo, iremos procurar estabelecer os contactos necessários para seja reforçado o serviço da rede de fibra em toda a freguesia.
Noutra vertente, a cultural, pretendemos promover novamente a Feira do Livro e a reativação do Museu Irene Lisboa. Apesar de estarmos conscientes dos tempos difíceis que estamos a viver devido à Covid-19, estamos ainda esperançados que será possível realizar a 1ª edição das “Tasquinhas da Freguesia de Arranhó” e lançar a “Rota do Fado”, com o objetivo de promover a música tradicional portuguesa e de criar condições para a angariação de fundos para as Associações da nossa terra.

A finalizar quero agradecer a todos os profissionais, que têm permitido manter a população segura, higienizada e de uma forma muito profissional nos tem defendido desta pandemia.
Continuaremos a trabalhar pela nossa terra, pois o que nos move é o serviço das nossas gentes.

Aceite um abraço amigo,
Nuno Rodrigues

Deixe uma resposta